Hoje Netflix já representa 35% do tráfego web em horários de pico na América do Norte e 28% na Europa. No Brasil varia de 15% a 40% dependendo da região, também em horário de pico.

Esse tipo de recurso tem se tornado sinônimo de diminuição de suas receitas e aumento de uso constante de link de seu provedor ou POP no mundo inteiro. Esse motivo levou o próprio Netflix a criar uma solução de CDN exclusiva para cache parcial de seus próprios filmes, que usa FreeBSD para entregar seu conteúdo em pontos de troca de tráfego e provedores com fluxo acima de 1Gbit/s.

Netflix tomou a posição da Apple iTunes Store na entrega de conteúdo multimídia sob demanda pela porta 80, mas a Apple vem logo em seguida com taxas de 12% a 15% em horários de pico. Em seguida sites de música com Last.FM e sites de vídeo como Youtube, Vimeo, Xvideos e afins.

O ThunderCache 7.1 demonstra-se uma solução mais completa e que trás mais benefícios que o próprio OpenConnect, uma vez que engloba não somente a solução Netfilx, mais diversas outras CDNs mesmo para provedores que não se enquadrem no perfil do OpenConnect.

video Assista

Criação e desenvolvimento por HLQ - Criação de Sites